quarta-feira, 3 de fevereiro de 2010

Trauma Anti-Benfica...


Após assistir ao Porto-Sporting para a Taça de Portugal, espectáculo que sem duvida evidenciou um dos melhores Portos de toda a presente época, e que, é preciso referir, para isso obteve uma grande ajuda da incompetência de uma equipa chamada Sporting (quatro golos provindo de azelhice pura da defesa, acrescidos de um chouriço do meio da rua…) fui apreciar alguns comentadores nos ditos programas de “painelagem” desportiva da televisão, que explanavam não só este jogo, mas todos os outros futebóis importantes do fim de semana.

Escutei uma frase do tipo “ Se tivessem marcado falta, se tivessem marcado penalti, se tivesse ido para a rua, se não tivessem entrado mais dois golos…. se…se…se…talvez o Benfica não tivesse ganho … É extraordinário! É um sintoma que se manifesta neste tipo de programa, a existência sempre de um “combate” (salvo seja), entre um benfiquista e dois "anti-Benfica", o que se torna deveras desequilibrado… Denota-se nestes comentadores "anti-Benfica" uma incapacidade, talvez traumática, de valorizar qualquer forma positiva de jogar do glorioso. Muito poucos destes comentaristas são capazes, por alguma forma, de elogiar o actual bom momento do Benfica, contrariamente ao que tem acontecido com os correspondentes comentadores do lado da Luz, que com pequenas excepções, sempre souberam constatar que, não obstante algumas circunstâncias duvidosas, nos últimos anos o Porto tem demonstrado jogar futebol, assim como o Sporting, a espaços, tem garantido alguma capacidade competitiva, como aconteceu nos tempos de José Peseiro e parcialmente de Paulo Bento…

Será que o actual trauma anti Benfica provêm de um severo recalcamento proveniente da acumulação de muitos e muitos anos e de muitas e muitas vitórias emblemáticas alcançadas pela clube da Luz no passado, que pela sua memória pesada ainda constitui um enorme fardo acomodado nos confins do subconsciente mental de alguns dos actuais comentadores e adeptos dos clubes rivais da equipa encarnada ?... Penso que não… Creio bem que não.. Creio e presumo que mais não passam do que pequenas coincidências…
E para amainar as lides que tal deleitar-mo-nos a apreciar talvez um dos melhores golos da ultima jornada da liga portuguesa?...

.

13 comentários:

Observador disse...

O actual trauma anti Benfica resulta exactamente do facto desses comentadores trauliteiros (e não só) não quererem dar o braço a torcer e considerar como realidade o momento do S.L.Benfica. Que é bom.
Então, criam-se fantasmas. Coisas que uma visita frequente a um psicólogo não ajudasse a resolver. Ou pelo menos a melhorar os espíritos da bagunça já quase institucionalizada.

S* disse...

O meu Benfica continua a ser o melhor. E mais nada.

Kimbanda disse...

Infelizmente, em vez de adversários
que é algo que se respeita, temos inimigos, que é coisa menos boa.
Kandandos

Sr.Nunes disse...

O Benfica não é o maior clube do mundo.. esse título vai para o Anti-Benfica.

E na minha opinião, assim se pode comprovar a glória imensa do Sport Lisboa e Benfica! =)

Carla disse...

Acho que o sporting precisa é de ir prá reforma

Paula disse...

Benfica é o maior... venha quem vier... BENFICA!!!

Vera disse...

BENFICA!!!!

Miguel disse...

Entro quase a medo, constatando desde já a gritante desvantagem em que aqui me encontro como sportinguista. Concordo em alguns aspectos, mas por todos os dias lidar com o outro lado do facciosismo doentio e exacerbado, o dos anti-portistas, venho defender que esse tipo de comentários de que falaste existe em todos os clubes. Não raras vezes os benfiquistas atribuem as vitórias dos jogos e de campeonatos portistas a erros de arbitragem. O FC Porto foi beneficiado contra o Nacional e é disso que se fala apesar dos quatro golos que marcaram a seguir. Da mesma forma o Benfica foi beneficiado contra o Guimarães e isso parece ter sido mais importante que o resto da exibição. Existem muitos "ses" no futebol de que nem vale a pena falar, desconhecendo-se sempre das suas verdadeiras consequências nos resultados finais. Acho que ninguém pode falar que é mais ou menos benefíciado e que no final do campeonato as contas estão equilibradas. Em relação ao jogo de ontem, nem discuto, tanta foi a nossa incapacidade e incompetência. Também eu me recordo com saudades desses Sporting de Peseiro. Um abraço desportivo.

Sr.Nunes disse...

ao carissimo miguel..

concordo com o seu ponto de vista.. já aqui comentei antes, mas referia-me mais a uma questão de ate haver merchandise "anti-[clube]"..

quanto a arbitragem, desde ha muito tempo que defendo que o que vai mal não e a corrupção.. os árbitros (e portanto, quem lhes dá formação e quem os deixa arbitrar) é que são MAUS!

Na ultima vez que reparei, quem não é profissional é despedido.. mas pronto, o mal começa com o desejo de "burburinho" da FIFA.. e lá "burburinho" conseguem eles..!

um bem-haja!

Observador disse...

Não posso deixar de concordar com algumas coisas que aqui foram ditas, nomeadamente pelo Sr. Nunes e pelo Miguel.
Porém, em relação aos árbitros, questiono qual será a razão que os nossos têm boas notas de desempenho quando dirigem encontros nas provas europeias?

E é verdade que todos têm telhados de vidro e deviam estar caladinhos.
De resto, o nosso futebol começou a ser denegrido quando os dirigentes (?) tomaram as rédeas do disparate e falaram, falaram, falaram, sem dizer nada ... de jeito.

Bloguótico disse...

Muito provavelmente andamos a ver os mesmos programas... especialmente um às segundas-feiras, certo?!! Completamente de acordo, meu caro benfiquista... completamente! :D

Galo disse...

A grandiosidade suscita inveja.
É deixá-los falar até que "arrebentem" lol.

Anónimo disse...

Estou surpreendida... pela negativa... mas estou surpreendida

See Also

Blog Widget by LinkWithin